Inicio do ano escolar com solidariedade

Como é descostume no inicio do ano letivo nos colégios técnicos e faculdades, os alunos veteranos organizam “trotes” para recepcionar os calouros, com o passar dos anos, segundo o portal EducaBrasil o termo “trote solidário” ganhou força a partir dos anos 90 quando setores da sociedade passaram a estimular a ação social nas faculdades desde o primeiro dia de aula em oposição ao constrangimento e à violência que caracterizam a organização do “trote”. Segundo pesquisa da Fundação Educar, que organizou um manual para ajudar universidades a incentivarem trotes sociais, 56% das instituições do País em 2000 já estavam desenvolvendo esse tipo de iniciativa. Outras 42% tiveram trotes tradicionais, mas sem violência e em 4% delas houve algum tipo de agressão ao calouro.

Considerando tal importância do momento para o calouro que começa um novo ciclo em sua vida, o trote solidário é uma forma onde os alunos também interagem com a comunidade como ações como doações de alimentos, doação de sangue dentre outras atividades.

Em mais um ano de parceria entre o Colégio Técnico Industrial e a Vila Vicentina de Bauru, este ano recebemos mais de 2.000 litros de leite de doações arrecadados pelos alunos do CTI.

Nosso muito Obrigado